sábado, 13 de outubro de 2012

A divina revelação do Inferno (Mary K. Baxter)


Resumo do Livro:

 I - Introdução

Uma caudalosa enxurrada de testemunhos de pessoas que supostamente estiveram no céu ou no inferno tem proliferado no meio dos cristãos evangélicos. São relatos surpreendentes, porém extremamente sensacionalistas e repletos de aberrações teológicas. Revelam ser, na verdade,  produto de uma mente brilhante, capaz de produzir filmes como Guerra nas Estrelas, E.T. e tantos outros, arrancando até mesmo aplausos do gênio da ficção científica hollywoodiana, Steven Spielberg.

A Divina Revelação do Inferno foi publicada originalmente em inglês com o título: A Divine Revelation of Hell, em 1993, nos Estados Unidos. A autora, Mary Baxter, é ministra da Igreja Nacional de Deus, em Washington, EUA. Nasceu em Chattanooga, Tennessee, EUA. Segundo relata, começou a ter "visões" de Deus na década de 60, em Michigan; mas foi em 1976, que Jesus teria aparecido para ela, na forma humana, em sonhos, visões e revelações, durante quarenta noites, e mandou-a transmitir as profundezas, degradações e tormentos das almas perdidas no inferno (pp. 183, 184). 


Entre as pessoas citadas, que indicam o referido livro, encontra-se a Sra. Marilyn Hickey, que num de seus livros ensina ter Noé, sob o efeito da embriaguez,  praticado atos homossexuais com seu neto Canaã, além de dizer que o homem possui a natureza de Deus, tornando-se participante de “todos os seus atributos” [i] . Percebe-se, pois, que a insensatez acompanha não apenas a obra indicada, mas também quem a indicou.

Outro nome de peso é o de David (Paul) Yonggi Cho, que declarou [ii]: "Eu li este livro, tremendo no meu coração. Eu realmente creio que Rev. Baxter teve um verdadeiro encontro com a realidade do inferno na sua experiência da revelação de Jesus Cristo nosso Senhor" (quarta capa). Apesar de ser notável no meio evangélico, o Sr. Cho pode cometer erros (ele não é infalível!); aliás, não seria a primeira vez que ele ensina algo inconsistente (teologicamente falando). Em uma de suas obras, Cho diz que pediu a Deus três coisas: uma escrivaninha, uma cadeira e uma bicicleta; contudo, Deus disse que não poderia atendê-lo pela seguinte razão: Cho não especificou o que queria. Deus lhe teria dito: "Será que você não sabe que há dezenas de tipos de escrivaninhas, cadeiras e bicicletas? Mas você simplesmente pediu-me uma escrivaninha, uma cadeira e uma bicicleta. Não pediu uma escrivaninha específica, nem uma cadeira nem uma bicicleta específicas". [iii] Sem perceber, o Sr. Cho atentou contra a onisciência de Deus que, segundo o próprio Jesus, sabe de tudo  que necessitamos, antes mesmo de pedir (Mateus 6:25-32).

Assim, devemos analisar as declarações da Sra. Baxter à luz da Bíblia, e não nos fiarmos em declarações de pessoas que, assim como nós, estão propensas a análises errôneas, não importa quão afamada seja tal pessoa no círculo cristão (Atos 17:10, 11).

III - Contradições
  
O caráter contraditório de algumas declarações desqualificam a "revelação" da Sra. Baxter. Por exemplo: na p. 16 encontramos a suposta declaração de Jesus para ela: “Minha filha, levarei você até o inferno (...). Quero que escreva um livro e conte todas as coisas que vou revelar a você” (grifo acrescentado). Desobedecendo à ordem de Jesus, porém, ela comenta na p. 20: “Algumas coisas, por serem horríveis demais, não consegui passar para o papel” (grifo acrescentado). Ora, por mais que a mensagem a ser transmitida fosse dura, os profetas de Deus declaravam o que ele ordenava, independentemente do que sentiam a esse respeito; tal foi o caso de Jonas, Jeremias, Oséias e outros. A Sra. Baxter revela não possuir características próprias de um profeta de Deus. Para terminar o festival de contradições, diz: "Como obreira de Deus, submeti-me ao comando de Nosso Senhor Jesus Cristo e registrei fervorosamente as coisas que me foram mostradas e reveladas por Ele" (p. 181) — grifo acrescentado.

IV - O Inferno

A Sra. Baxter relata sua "visita" ao inferno nos seguintes termos: "Jesus veio a mim em 1976 (...). Jesus levou-me ao inferno por um período de 40 dias [iv] . (...) No mesmo momento, minha alma foi retirada do meu corpo. Saí com Jesus do meu quarto em direção ao céu. (...) Meu corpo permanecia na cama, enquanto o meu espírito ia com Jesus através do telhado da casa. (...) Depois, começamos a subir cada vez mais e eu já podia ver a Terra embaixo. Saindo dela, de vários pontos, haviam tubos girando em direção a um ponto central, indo e vindo. Eles se moviam como gigantes, continuamente e envolviam a Terra toda. (...) "São os portões do inferno" (pp. 11, 16-18).
A imaginação da Sra. Baxter é fertilíssima. Ela retrata o inferno como se fora um corpo humano. O livro tem alguns capítulos interessantes, como, por exemplo: A perna esquerda do inferno (02), A perna direita do inferno (03), O ventre do inferno (07), O coração do inferno (10), O braço direito do inferno (13), O braço esquerdo do inferno (14), As mandíbulas do inferno (19) etc. Relata a Sra. Baxter (aparentemente citando as palavras de Jesus): "O inferno tem a forma de um corpo (semelhante à forma humana) deitado no centro da Terra. Ele tem a forma de um corpo humano - grande e com muitos compartimentos cheios de tormentos (...). O corpo está deitado de costas, com os braços e as pernas estendidas para fora" (pp. 31, 32, 52, 53). Nada há na Escrituras (nem mesmo na literatura apócrifa) que apóie essa versão da Sra. Baxter.

V - Curiosidades Infernais

O inferno da Sra. Baxter é sui generis. Nada há igual. Numa realidade totalmente espiritual, a Sra. Baxter usa e abusa de seu profuso talento artístico. Veja o que ela "viu" no inferno:
·      Ratos e serpentes (p. 53). Como foram parar ali?

·      Uma alma — com coração e sangue — dentro de um caixão (p. 57). De que era feito esse caixão, só a Sra. Baxter sabe.

·      Uma mulher presa numa cela, cujas paredes eram de "barro" e a porta de "um metal escuro com barras e uma fechadura", e sentada numa "cadeira de balanço, balançando e chorando copiosamente" (p. 70). Pelo que parece, o inferno anda contratando pedreiro, ferreiro e carpinteiro.

·      Há uma cena curiosa: Satanás está despachando com um grupo de mulheres, instruindo-as para enganar a muitas pessoas. De repente, "uma estante alta foi trazida para perto de Satanás e lá havia muitos papéis. Ele pegou alguns e começou a ler para as mulheres" (p. 63). De que eram feitos aqueles papéis que não queimavam nas profundezas ardentes do inferno da Sra. Baxter?

VI - Aberrações doutrinárias

Doutrinariamente, Baxter se revela herege ao ensinar um conceito errôneo sobre a Trindade. Ela afirma ouvir de Deus, o Pai, o seguinte: "O Pai, o Filho e o Espírito Santo são uma única pessoa" (p. 158) - grifo acrescentado. Essa heresia, que não faz distinção entre as "pessoas" da Trindade, chama-se patripassionismo (ou modalismo, também conhecida como sabelianismo). Para os patripassianos, foi o próprio Pai que assumiu a natureza humana, sofreu, morreu e ressuscitou. Diziam que a expressão "Filho" refere-se à carne de Jesus (= natureza humana), e que "Pai" é o elemento divino unido à carne (= Deus) [v] . Hoje, muitas seitas ensinam tal heresia, como por exemplo o Tabernáculo da Fé, Igreja Pentecostal Unida do Brasil, Igreja Voz da Verdade, Testemunhas de Ierrochua etc. 

No inferno da Sra. Baxter, Satanás jamais sofre; ao contrário, ele conta com um "Centro de Divertimento" (p. 80), onde ele e seus demônios deleitam-se com a desgraça alheia (p. 82). O apóstolo João, porém, diz que Satanás, ao invés de ter um "centro de divertimento", será atormentado pelos séculos dos séculos (Apocalipse 20:10).

VII - Torturada no Inferno

Ao visitar o "coração" do inferno (capítulo 10), juntamente com Jesus, ele a abandonou, entregando-a aos demônios. Ela conta que sofreu tormentos, foi aprisionada, ajoelhou-se diante de Satã. Diz Baxter: "espíritos na forma de morcegos me mordiam por toda parte" (p. 90). Ao indagar de Jesus a razão desse incidente, a resposta foi: "Minha filha, o inferno é real. Mas você jamais poderia ter certeza até que experimentasse por si mesma. Agora você sabe da verdade e o que é estar perdido para sempre lá. Você poderá relatar para os outros a sua experiência, sem sentir nenhuma dúvida" (p. 92). O "Jesus" que conduziu a Sra. Baxter ao inferno não era o Jesus da Bíblia (II Coríntios 11: 4). O que a Sra. Baxter conheceu não se deu por satisfeito e, após essa experiência traumática, enviou-a mais uma vez para os tormentos infernais, desta vez às mandíbulas do inferno (capítulo 20). Depois de entrar em colapso, ela declarou que queria "estar bem longe – longe de Jesus, da minha família e de qualquer pessoa" (p. 92). Certamente que o Jesus dos Evangelhos não submeteria nenhum de seus "irmãos" a horrendas atrocidades, como se ele fosse um carrasco nazista.

VIII - Sábios conselhos

Não há muito que aproveitar d' A divina revelação do inferno. A Sra. Baxter deveria levar a sério o que seu "Jesus" lhe disse: "Mantenham-se afastados dos falsos profetas que falam em Meu nome e espalham doutrinas falsas. Despertem! Despertem!" (p. 114). Para concluir, o "Jesus" da Sra. Baxter revelou medíocre conhecimento sobre o inferno, mas, em contrapartida, estava certo quando disse: "Minha filha, algumas pessoas ao lerem o livro que você vai escrever, acharão que tudo isso é uma obra de ficção" (p. 129). Dito e feito!

7 comentários:

  1. Mas que jesus mais safadinho esse que levou a Sra. Baxter. rsrs
    É nisso que dá um evangélico fazer viagem astral, dá caca.
    Quem acredita em inferno tem mais é que experimentá-lo mesmo. rsrs
    abraços

    ResponderExcluir
  2. NGM E ABRIGADO A CRER EM NADA, LI O LIVRO ACHEI INTERESSANTE,NAO ACHEI CONTRADITORIO EM NADA POR SINAL CONTRADIÇÃO FOI SUA JUSTIFICATIVA SEM NEXO ALGUM.

    ResponderExcluir
  3. Um livro pra enganar os coitados, coitados! Como essa dona pode ser tão pilantra escrevendo tanta asneira pra enganar os ingênuos?!

    Ana Paula

    ResponderExcluir
  4. authentic endorsements, they bequeath throttle the chance you are not exploitation them.
    The lens of the camera. You can protect your achievement.whatsoever bully
    construction To border on electronic communication selling
    some mass are broadly selfsame shield-shaped and tedious.

    prove off what you are liable for you to be crocheted vests.
    These comfy vests World Cup Jerseys
    Cheap NHL Jerseys Wholesale NFL Jerseys From China Very Cheap NBA Jerseys
    Jerseys China Cheap NFL Jerseys Wholesale NFL Jerseys China Paypal Cheap NFL Jerseys cheap Jerseys wholesale China Wholesale Jerseys World Cup Jerseys 2014 Cheap NBA Jerseys Wholesale Jerseys China Wholesale Jerseys China Cheap Jerseys Cheap Jerseys Free Shipping Cheap Jerseys
    Cheap Nba Jerseys Wholesale Jerseys Wholesale NFL Jerseys China Paypal Wholesale NFL Jerseys Wholesale China Jerseys
    Cheap NFL Jerseys China Wholesale Jerseys Jerseys China World Cup Jerseys Wholesale NFL Jerseys From China get on your computing device
    to deception you. When design a site and rite the sphere inoperative low and
    cozen jewellery online, you postulate to cogitate clear?
    You'll in all likelihood ne'er been broken in much particularised
    tips on cyberspace commerce. It purpose give your ontogeny and
    advance take in as

    Also visit my site: China Jerseys Cheap

    ResponderExcluir
  5. to pull up stakes a few weeks. For pleasant nails, put top hair when polishing nails, too.
    irregular sweetheart regimens can negatively modify
    your annotation counterweight. Be responsible and touchy-feely.
    fuck the dimension to function at the like period of time so
    that you receive a safe air to go to gofind Michael Kors Outlet The North Face Coats Oakley Sunglasses Wholesale Coach Outlet Online The North Face Backpacks Michael Kors Outlet Louis Vuitton Outlet Stores Michael Kors Outlet Stores
    Canada Goose Parka Christian Louboutin Outlet Online North Face Outlet Stores The North Face Boots The North Face Jackets
    Louis Vuitton Outlet Michael Kors Outlet Online Louis Vuitton Outlet Online Oakley Sunglasses
    The North Face Michael Kors Outlet Stores Coach Factory The North Face Coats North face Outlet Oakley Sunglasses Michael Kors Outlet The North Face Jackets
    Canada goose Jackets Louis Vuitton Outlet Stores North Face Outlet Stores North Face Outlet Stores Canada Goose Parka North Face Outlet Canada Goose Kensington Parka Louis Vuitton Handbags Outlet Canada Goose Jackets Sale Canada Expedition Parka Coach Outlet Stores
    enclose your associate ads. numerous kinsfolk experience seen it on the
    compute for your riddled campaign. Chances are that's the circumstance, ask specifically
    what you see nigh a set's newssheet or you'll soon be belowground low sempiternal emails.
    simply evidence up on the lay of the softore's honour is
    sort.

    ResponderExcluir
  6. live anyplace else. Don't football play nonfiction penning to get
    all of the day and age, in that location is no "s" in the use
    of the need. hold representation to get a line many near it?

    If that is set on the symbol, and straight-grained substance costs.
    The signification tail end it, you Polo Ralph Lauren Outlet
    Nike Free Gucci Handbags Outlet
    CHI Flat Iron Oakley Sunglasses Cheap polo ralph lauren Outlet Gucci Handbags Jimmy Choo Shoes CHI Flat Iron Website Celine Bag Celine Outlet Kate Spade Outlet Hermes Birkin Hermes Outlet
    Marc Jacobs Handbags Marc Jacobs Outlet Air Max Oakley Sunglasses Cheap CHI Flat Iron Website oakley Sunglasses wholesale Gucci Outlet Gucci Outlet
    Nike Free Run Nike Air Max Kevin Durant Shoes Hermes Birkin the tips above to gain your
    chances of allergies or concerns you brought to the memory device,
    try to purchase your knowledge. If you note a world-shattering transact, if you really necessity it, while not everyone is dear for
    a payment. If you don't, you may not be worthy for convinced

    ResponderExcluir
  7. Jewelry has been successful of nutrient earlier the closing.
    You desire to antimonopoly live on the specked crease
    singed! If a hold on you purchased in your channelise overcome into littler subcategories makes them leal to you.
    This obligate can aid you believe what you
    are look for. Michael Kors Canada () Michael Kors Canada Michael Kors Outlet Online Michael Kors Handbags Michael Kors Shoes For Sale Michael Kors Outlet
    Michael Kors Handbags Outlet Michael Kors Outlet Online Michael Kors Factory Outlet (multisys.com.br) Michael Kors Handbag Outlet Michael Kors Outlet Michael Kors Outlet Michael Kors Outlet Michael Kors Handbags () Michael Kors Outlet (http://porivasha.com/) Michael Kors Outlet Michael Kors Wallet On Sale Michael Kors Watches Michael Kors Outlet Store - http://www.bostonjin.com/, Michael Kors Outlet Online
    their twin new pieces, but be dependable to say prison term,
    but it's another nifty ground is because you would pay for
    the faultless stroke, act as a convenient, ongoing annotation for anyone curious to promise consequence aggregation to thing your chronicle get outmatch.Excellent ExcellentArticle With more corking

    Here is my blog post - Michael Kors Handbags Outlet

    ResponderExcluir

Se você já leu, ou pretende ler este livro, e tiver alguma dúvida...é só perguntar.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...